sábado, 27 de agosto de 2011

OUSADIA! CONQUISTA!


Então eles, vendo a ousadia de Pedro e João, e informados de que eram homens sem letras e incultos, maravilharam-se e reconheceram que eles haviam estado com Jesus. (At. 4:13). 
Ousadia talvez não seja algo muito difícil de explicar, mas pode ser difícil de ter. A ousadia é uma característica presente na maioria dos “grandes” personagens da Bíblia. Ser ousado é ser como Moisés e dizer pra Deus que não seguiria adiante se Ele mesmo não fosse com eles e depois ainda pedir: “Eu quero Te ver”. Davi foi bastante ousado quando ainda sendo um rapaz dispõe-se a lutar com o gigante guerreiro Golias. O que dizer do profeta Elias que diante do rei Acabe diz que não choveria na terra até que ele, Elias, não o ordenasse novamente. E ainda temos tantos outros dos quais poderíamos falar, homens e mulheres que foram ousados ao extremo e por isso alcançaram vitórias sobrenaturais.
  
Deus chama discípulos ousados para fazerem coisas ousadas para Ele na terra. Os líderes de uma igreja precisam ser ousados, pois, há um chamado para grandes conquistas esperando esses homens. O ousado é aquele que tem coragem, é aquele que enfrenta a batalha de frente para ela, é aquele que não se curva quando vê o inimigo. O ousado se prontifica para fazer coisas que outros não fizeram, aliás, esta é uma grande característica do ousado, ele quer ir onde outros ainda não foram, ele diz como Paulo: E desta maneira me esforcei por anunciar o evangelho, não onde Cristo foi nomeado, para não edificar sobre fundamento alheio” (Rm. 15:20). Oh glória! Estes são os tipos de pessoas que Deus está esperando que se levantem hoje dentro das igrejas. Pessoas que vão além.

Veja a experiência de Pedro e João no texto de abertura deste capítulo, eles haviam acabado de curarem um homem que antes fora coxo e agora estando presos pregavam diante das maiores autoridades da nação. Aqueles homens se maravilharam grandemente, pois aqueles dois eram “iletrados e incultos” e mesmo assim falavam ousadamente. O que aprendemos aqui é que o que o Senhor espera de nós é que tenhamos a coragem de pelo menos começar e o resto Ele nos tomará e usará para que a obra seja feita e as pessoas ao nosso redor reconhecerão que em algum momento “estivemos com Jesus”.

Um homem ousado não fica esperando chover para semear, ele semeia ainda que o sol esteja quente, pois ele crê que Deus mandará a chuva. Ele não fica olhando a conquista do outro e pensando se aquilo um dia poderia acontecer com ele, mas ele vai para a batalha porque sabe “que o reino de Deus é tomado por esforço e aquele que se esforça se apodera dele” (Mt. 11:12).

Ousadia é mais do que fé somente, é fé e ação juntas e o resultado é conquista!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui a sua mensagem. Gostou? Tem alguma sugestão? Fique à vontade.